segunda-feira, 19 de novembro de 2012

Introdução à História



Vila de Monte Vêneto, início de Cotiporã
(Acervo da Secretaria Municipal de Turismo e Cultura - Foto  Parise)
Pedroso (1999) afirma que: "Um povo que não tem raízes acaba se perdendo no meio da multidão. São exatamente nossas raízes culturais, familiares, sociais, que nos distinguem dos demais e nos dão uma identidade de povo, nação".
O conhecimento das raízes culturais de um grupo social é essencial para a formação da identidade, projetando o cidadão e a sociedade que se quer.
É muito importante para nós jovens conhecer e preservar as raízes culturais de nosso povo.
O resgate documental dos relatos de Cotiporã originou a criação de um blog, para que neste mundo virtual, nossa história fique à disposição para ser acessada nesta “aldeia global” em que vivemos.
Município de Cotiporã Atualmente
(Acervo da Secretaria Municipal de Turismo e Cultura)
História de um lugar chamado Cotiporã, que em tupi guarani significa “Lugar Bonito”. Colonizado primeiramente por imigrantes italianos, que formaram um pequeno núcleo ao qual deram o nome de Monte Vêneto. É necessário que conheçamos nossas origens, para poder compreender as transformações pelas quais a cultura de um povo tem passado ao longo do tempo. Comumente ouve-se dizer que “quem vive de passado é museu”, porém acreditamos ser preciso conhecer o passado para viver o presente e o futuro.

3 comentários:

  1. Sério, trabalho muito legal e interessante, mas vocês não acham que, ao invés de ficar estudando a história de Cotiporã, vocês não deveriam estar estudando coisas mais importante? Se preparando para o vestibular? Não é bem assim pessoal, caiam na real, vão atrás disso antes que seja tarde. Ou vocês não querem ter um ensino superior e ter uma vida melhor?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Como já dizia Marcus Mosiah Garvey “Um povo que não conhece sua história e sua cultura é como uma árvore sem raiz.”
      Antes de queremos conhecer qualquer coisa, de conhecer o mundo, devemos conhecer a nossa cidade, a nossa origem, nossa cultura. Muitas pessoas não conhecem nem o mínimo da história aqui de Cotiporã, e nós mesmo, alunos, não conhecíamos e por isso tivemos a iniciativa de buscar informações da nossa cidade, não achamos que seja perda de tempo, quando há interesse pode-se conciliar o estudo de mais de uma matéria por vez ;)

      Excluir
  2. Ricardo Antônio Paludo22 de outubro de 2013 12:22

    Tchê, bem rapidinho... Só gostaria de parabenizar toda a gurizada que teve essa belíssima iniciativa de resgatar e estudar a história e as estórias de Cotiporã. Lembro que quando fazia meu Primeiro Grau no Jacintho, tive apenas brevíssimas e superficiais pinceladas sobre a construção e formação cultural da nossa cidade, deixando um gostinho de "quero mais". Esse belíssimo trabalho nos faz ter orgulho, não só da formação histórica da cidade e do seu povo, mas também, orgulho das pessoas que o costuraram, ou seja, Andrei, Camila, Danieli e Vanessa. À vocês agradeço por essa iniciativa, por essa notícia histórica, por esse resgate e, espero que continuem apaixonados por História, apaixonados pela Cultura, lendo sempre, pois a leitura é a semente. Marx dizia que a verdadeira ciência é a Ciência da História e, eu, acredito que para que possamos construir um belíssimo futuro, temos que viver um presente sólido e fundamentado e só teremos um presente assim, se conhecermos profundamente nosso passado. É isso. Mais uma vez, parabéns. Valeu!!!!

    ResponderExcluir